Mostra fotográfica da UFRJ aborda superações de alunos até a conquista do diploma

Uma mostra fotográfica retrata a realidade de 57 pessoas que estudam na UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Como maneira de ocasionar a valorização da instituição de ensino, a exposição foi idealizada pela ADUFRJ e foi batizada de UFRJSEMPRE. Nas fotografias ocorre a exibição de estudantes que foram os primeiros de suas famílias a conseguirem ingressar no ensino superior.

O principal registro fotográfico ocorreu em uma parte bastante conhecida pelos alunos que frequentam o campus do Fundão. Na imagem é possível perceber que se trata da fachada do restaurante presente no local. Vale salientar que a foto foi tirada em 27 de novembro de 2018.

Segundo uma matéria veiculada pelo Portal de Notícias Terra, os relatos sobre a trajetória de cada estudante foi um momento bastante emocionante, tratando-se de histórias em que os alunos precisaram superar diversas circunstâncias difíceis para que pudessem alcançar seus objetivos. Algumas das pessoas entrevistadas relataram viver em meio a tiroteios, mas ressaltaram que os colegas prestam grande apoio a elas.

Para Thamara Perrone, uma das estudantes que compõem a foto, estudar na UFRJ é uma conquista que transcende seus anseios pessoais, uma vez que é motivo de felicidade também para toda a sua família. Assim como ela, outros jovens de origem humilde foram chamados para participarem da mostra fotográfica.

Já Felipe Carvalho da Conceição, estudante do curso de Química da UFRJ sente-se animado com o fato de pessoas carentes terem conseguido ingressar na instituição. Ele salienta que a universidade deve estar aberta para o ingresso de alunos de todas as classes sociais, algo que acredita estar acontecendo recentemente.

Além de alunos, alguns professores também fizeram questão de participar da ocasião. A maioria dos docentes, contudo, trilharam caminhos bastante semelhantes aos dos estudantes em questão, de modo que também passaram por dificuldades de ordem financeira.

A mostra UFJSEMPRE está disposta em todos os câmpus da instituição. Além das dependências da universidade, as fotografias serão exibidas e m toda a cidade do Rio de janeiro. Mesmo ainda no início, a organização da exposição já cogita a realização de outra exibição, desta vez contando exclusivamente com professores do local.

 

Saiba mais:

https://www.jb.com.br/rio/2018/11/961360–elessaoosprimeiros–fotografia-retrata-brasileiros-que-transformam-sonhos-em-futuro.html